BLOG CONEX

Bem-vindo ao Blog CONEX, sua fonte de informação sobre o mercado internacional.

A Importância das Estratégias de Marketing

A Importância das Estratégias de Marketing

A Terceira Revolução Industrial afetou de modo significativo as maneiras como os países se relacionam, visto que a globalização facilitou a interdependência dos Estados, a internacionalização das empresas parece, cada vez mais, inevitável. Diante disso, há uma falha nas estratégias das companhias ao se esquecer que o marketing é fundamental para a internacionalização, já que planejar e traçar os objetivos é uma maneira de arquitetar da melhor forma o sucesso, evitando, assim, imprevistos e tendo, também, um acompanhamento durante o processo.

Não obstante, o isolacionismo mostrou-se e continua a expor que é pior e mais arriscado possuir estratégias que tendem ao protecionismo. Tendo a globalização como um propulsor para a quebra de barreiras internacionais e uma maior ajuda mútua entre as nações dinamizando, assim, a variabilidade e havendo um maior equilíbrio de poder.

Para tanto, é necessário que as empresas entendam a importância da estratégia de marketing ao tentar internacionalizar sua companhia, visto que nem mesmo essa mentalidade é difundida, ou seja, não há entendimento da relevância dessa etapa. É importante entender que o planejamento de marketing consiste em realizar análises constantes dos mercados internacionais, suas diferenças e um planejamento que funcione no local internacional que se deseja ingressar.

Devido a isso, uma das Teorias de Internacionalização desenvolvidas por Carneiro e Dib (2007), o Modelo de Uppsala, explica que, na maioria dos casos, as empresas recorrem ao mercado externo quando o doméstico se mostra limitado de alguma forma. Assim, ao considerar a internacionalização, a empresa deve considerar as possibilidades de sucesso do país estrangeiro e a menor “distância psíquica”, isto é, as diferenças culturais e comportamentais daquele mercado.

Dito isso, essa recorrência ao mercado internacional quando se observa o esgotamento do doméstico traz duas falhas: A primeira é apenas pensar na possibilidade viável para tal quando o mercado nacional apresenta limitações, quando pode-se pensar na alternativa para a ação fora deste contexto. A segunda está ao erro grave de não se preparar para sair do país, isto é, não fazer um planejamento de marketing e fazer análises corretas dos mercados internacionais para se inserir.

Portanto, o planejamento de marketing mostra-se como uma etapa imprescindível para a internacionalização das empresas ao obterem sucesso. Visto que sem essa análise os riscos de falha e problemáticas, da falta de preparação e investigação do mercado externo, são imensos. Notando, assim, a estratégia de marketing um fator primordial para entender como se ingressar no exterior, aproveitando também a maior facilidade que a globalização proporcionou neste âmbito.

Autor: Jéssica Coneza

Imagem: Carlos Muza


Referências:

PORTAL ADMINISTRADORES. Estratégias de Marketing para a Internacionalização de Empresas: Arroz e Feijão nos EUA. Publicado em 1 de marçode 2011. Disponível em: <http://www.administradores.com.br/artigos/marketing/estrategias-de-marketing-para-a-internacionalizacao-de-empresas-arroz-e-feijao-nos-eua/52685/>. Acesso em 3 de novembro de 2017.

MONOGRAFIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS DA UFSC. A internacionalização como instrumento de planejamento estratégico das empresas de alta tecnologia: Um estudo de caso das nanovetores s.a. Disponível em: <https://repositorio.ufsc.br/xmlui/bitstream/handle/123456789/168404/Monografia%20do%20Andre%20Genovez.pdf?sequence=1&isAllowed=y>. Acesso em 3 de novembro de 2017.

Add comment